Saída de emergência

Saída de emergência

Saída de emergência

 

Conhece aquelas situações em que procuramos uma saída de emergência?

Existem tantas situações aflitivas de que tentamos escapar….

Sabe aquela alegria quando o dentista desmarca ou o professor falta no dia da prova para qual não está preparado?

Já sentiu a necessidade de ensaiar bem para evitar o erro?

Necessidade de pensar várias possibilidades para tentar garantir o sucesso do projeto?

Ouvindo o relato do velejador Almir Klink ele contava sobre o conselho que recebeu do engenheiro quando tentava construir um barco que não virasse:

“você está tentando fugir do problema. Abrace o problema para resolvê-lo!  O projeto tem que construir um barco que consiga desvirar depois de virar!”

Exatamente isso!

Não adianta fugir, a melhor saída é desvirar a ansiedade e acolher o desafio.

Acolher o diagnostico de uma doença, fazer amizade desvirar o desafio e procurar o tratamento amorosamente.

Aceitar a raiva, fazer amizade, desvirar essa dor e procurar como dissolvê-la.

Sorrir para limitações, desvirar as frustrações e procurar ajuda.

Abençoar os boletos e desvirar as dívidas.

Não adianta fingir ou crer em milagres ou acreditar que é possível driblar a vida.

Coragem! Aceitação! Devoção às tuas qualidades! E sorrisos!

Viver é uma aventura repleta de limoeiros ou, como diria uma prima: viver é a arte de pegar os limões e fazer a limonada a mais docinha possível!

E, quando não der, tomar pura mesmo…faz bem para saúde.

É assim:

Quando o barco da vida virar, desvire, se seque e continue remando!